Maurícias vence na estreia e já é líder!

As selecções da Zâmbia e do Uganda não foram para além de um empate a uma bola (1-1), em desafio pontuável para a primeira jornada do Grupo “A”, do Torneio Sub-17 do Conselho das Associações de Futebol da África Austral (COSAFA), que tem como palco a cidade de Port Louis, Maurícias. Nalukenge Juliet (Uganda) e Shelly Masumo (Zâmbia) foram as autoras dos golos nos minutos 62 e 84 respectivamente.

A contar para a mesma jornada e mesmo grupo, a selecção anfitriã, Maurícias venceu a sua congénere das Comores por 5-1 mercê dos golos de Eva Pierrot (3’), Jerusha Ramasawmy (13´), Verlope (70´); Cotry (84´) e Quirin (87´) .  Moinahed Mohamed Ali apontou o golo da igualdade a passagem do minuto nove (9).

Foi de resto, um desafio aguardado com alguma expectativa considerando que os dois países travam alguma rivalidade histórica no que ao desporto diz respeito, em particular no futebol. Orientadas pelo francês Kofi Kawata, técnico das Maurícias, as anfitriãs não deixaram esmorecer-se e suplantaram as suas adversárias de forma convincente.  Um arranque promissor que abre boas perspectivas para equipa da casa, que para além de acolher o certame, quererá deixar o troféu em casa.

Zâmbia e Uganda dividem pontos ‘

Após beneficiar de uma grande penalidade na segunda etapa, mercê da forte pressão a ser exercida na zona do meio-campo contrário, a selecção do Uganda foi a primeira a chegar ao golo  na cobrança do castigo máximo.

Nalukenge Juliet, capitã do Uganda encarregou-se de fazer a sentença atirando para a contagem. Tudo indicava que as ugandesas sairiam triunfantes do desafio. As representantes da Zâmbia acreditaram até ao fim e chegaram ao golo do empate aos 84 minutos por intermédio de Shelly Masumo.

Com este resultado, as duas formações partilham os mesmos pontos (1) na tabela classificativa. Pelo que as treinadas de Kaluba Kangwa, técnico da Zâmbia só volta a jogar este domingo, no Estádio Francois Xavier, enquanto que a convidada Uganda medirá forças com a equipa anfitriã, Maurícias quando forem 15:30 horas, no mesmo local.

Grupo “B”  Joga Amanhã

O Grupo “B” entra em cena amanhã, quando o Botswana enfrentar Madagáscar no Estádio St Francois Xavier, às 12h30, enquanto a África do Sul, favorita neste grupo terá pela frente as Seychelles, pelas 15:30 horas.

Uma vez mais fica registado nos anais de história deste organismo (COSAFA) a concretização de mais um sonho, desta feita a estreia do campeonato ao nível deste escalão em femininos. Aliás, espera-se que o mesmo venha a ter o sucesso tido no campeonato sub-20, realizado em Julho deste ano, na cidade sul-africana de Port Elizabeth, também pela primeira vez.

É, na verdade uma iniciativa que foi saudada com enorme alegria por parte dos países filiados a esta organização, que assume o compromisso de aumentar o número de equipas e promover simultaneamente o futebol feminino na região da África Austral. Sue Destombes, secretária-geral deste organismo, referiu que a sua instituição sugeriu à CAF para que o figurino de qualificação para o CAN seja feito nos mesmos moldes que o de masculinos da categoria.

Segundo o Regulamento da prova as equipas estão divididas em dois grupos, cada um contendo quatro equipas, com as duas primeiras melhores classificadas em cada grupo a avançar para as semifinais.